26/04/2012

O Mundo actual e o conhecimento de nós mesmos !

O ser humano já fez progressos tremendos, e entrámos no Séc XXI, depois de termos conquistado as primeiras bem sucedidas aventuras do homem no espaço, descodificámos o DNA, estamos prontos para o domínio da física quântica, entre muitos outros prodígios conseguidos até à data.

Os beneficiários de todas estas conquistas são a humanidade que no seu todo está de parabéns, embora estejamos do ponto de vista politico e de organização das sociedades, em níveis ainda bem primários, com sistemas corruptos onde domina, não a inteligência que nos fez obter todas as conquistas acima referidas e mais algumas, mas sim apenas os nossos instintos mais básicos, que comungamos com todos os outros animais mamíferos que habitam o planeta.

Por outras palavras somos governados e mesmo dominados não pela inteligência dos homens, mas sim pelas emoções e sentimentos básicos do animal, onde predominam as emoções e os sentimentos sem qualquer controle, sobre a razão e o domínio superior do cérebro, que nos distingue dos outros animais mamíferos!
Por isso o mundo, em termos societários, não conhecerá grandes evoluções significativas, enquanto todos nós seres humanos dotados de um cérebro completo e também da "inteligência humana", não dominarmos aquilo que nos está mais perto e ainda desconhecemos por completo, que somos nós próprios.
E sobretudo importa não aceitarmos nenhuma ideia ou princípio, que não seja fruto da nossa firme e determinada consciência, depois de analisados pela nossa mente racional, mas livre de qualquer preconceito ou imposição externa a nós mesmos.

E fica o alerta, de que o "conhecermo-nos a nós próprios", não significa que nos enredemos ainda mais em mitos, dogmas ou convicções de qualquer espécie, mas antes pelo contrário, e usando os conhecimentos mais avançados disponíveis hoje através da neurociência, da psicologia e de filosofia, para que munidos de técnicas práticas, possamos explorar e conhecer o nosso mundo interior, tornando-o também melhor, mais estável e equilibrado. E isto até como forma de podermos mais facilmente atingir aquilo que todo o ser humano ambiciona na vida: a conquista da Felicidade.

Vale a pena pensar nisto!


A pior de todas as prisões que oprimem hoje a maioria dos seres humanos não é sequer já de ordem física, mas sim aqueles grilhões que existem na nossa própria mente, fruto da nossa educação, ensino e exposição à actual sociedade de consumo imediato!
Francisco Gonçalves @15April 2013

"Enquanto o povo não governar a própria mente, nunca mudara nada."
[Cello Vieira]


Francisco Gonçalves "in" 26April2012
francis.goncalves@gmail.com

Citação:


“Não acreditem em nada, só porque lhes foi dito. Não acreditem na tradição apenas porque foi passada de geração em geração. Não acreditem em nada só porque está escrito nos seus livros sagrados. Não acreditem em nada apenas por respeito à autoridade de seus mestres. Mas qualquer coisa que, depois do devido exame e análise, vocês achem que leva ao bem, ao benefício e ao bem-estar de todos os seres - nesta doutrina creiam e aferrem-se a ela e a tomem como guia.”

[Buda]


Enviar um comentário

Translate