04/02/2013

O futuro de incertezas e de mudanças rápidas na sociedade e no mundo!


A roda do progresso que já está em movimento no sentido de um novo estádio da globalização, e em aceleração cada vez maior, não augura nada de bom para o futuro do País e do Mundo. Se a deixarmos em "roda livre", como temos feito até aqui, ela irá agudizar ainda mais o fosso entre ricos e pobres, agora com uma diferença maior porque além da diferença entre os que têm dinheiro e os que não o têm, passa a existir uma outra segmentação de forças, que é entre os que têm especializações e competências vastas e os que as não as possuem de todo.

Logo a exclusão social terá tendência a agravar-se ainda mais e para níveis que poderão ser fatais para as sociedades. Portanto só há um caminho que passa por reabilitar a politica e os políticos, que façam politica verdadeiramente em nome do povo, e para o povo, com total independência do poder económico e mais apoiados nos poderes verdadeiramente democráticos da nação, actuando de forma totalmente transparente e que possam assegurar alguma equidade e justiça social e sistemas de educação e ensino, ajustados a estes novos tempos que estão a chegar, perante um mundo que terá tendência a ser mais desigual, do ponto de vista económico e social.

Daí o meu activismo por mudanças no campos politico, porque se não as fizermos atempadamente, o país será cada vez mais um pardieiro mal frequentado, onde a instabilidade social ganhará terreno e a destruição do país e o atraso social serão o único garante, na vida de todo um povo.

Francisco Gonçalves in 18 June 2012
francis.goncalves@gmail.com

Enviar um comentário

Translate