09/05/2011

O ESTADO DA NOSSA PERDIÇÃO !


O elevado desperdício e o forte descontrolo no despesismo do estado, aliado ao elevado nível corrupção, são os factores que mais têm danosamente prejudicado o país, principalmente ao longo destes últimos 20 anos e a factura está agora aí para pagar, por todos os portugueses.
Aliás mesmo nos últimos anos de dominação socialista, o próprio Tribunal de Contas, embora do PS, tem vindo constantemente a alertar para as inúmeras e escandalosas irregularidades detectadas, envolvendo muitos milhares de milhões de euros, tendo todas estas caído em "saco roto", tirando uma ou outra nota na imprensa que fugiu ao controlo da máquina de censura socialista!

Aliás também nos últimos anos algumas análises da OCDE fizeram alertas sucessivos sobre da economia portuguesa «extremamente negativa», afirmando que o prova o «extremo despesismo» e o «descontrolo das despesas» das contas do Estado.
Apesar de todos estes indicadores e de todos os factos mais que comprovados, quer pelo próprio Tribunal de Contas e mesmo alertas de organismos internacionais, e mesmo depois da intervenção por parte do FMI e organismos da EC, continuo a não ver por parte dos partidos que se vão apresentar a eleições no próximo dia 5 de Junho, nenhum programa determinado a por cobro a todo este desperdício e despesismo da máquina no estado!

Mas, e bem mais grave, não ouvi sequer nenhum dos partidos referir-se ao fenómeno da corrupção que domina por completo a economia e o país, e quais os seus planos sérios para a combater e mesmo erradicar como fenómeno que nos marca, ao nível de um subdesenvolvimento atroz, que esta induz no próprio país. E não basta referir que vão combater a corrupção, porque isso já muitos outros programas eleitorais disseram e só deixaram agravar mais e mais este fenómeno avassalador, que distorce por completo o funcionamento da nossa economia.

Será que após estes cortes determinados administrativamente pela chamada "troika" (este nome só por si já se presta a associações mentais a Máfias, e não sei bem porque será!!??), em que são sempre os mais fracos da sociedade, e os eternos pagadores de promessas a pagar a factura, e isso já se repete ao longo dos 37 anos de suposta democracia, iremos assistir a que tudo volte ao mesmo, e a mais um ciclo de governação irresponsável e com a corrupção a continuadamente envolver o estado, tal qual polvo, perante um povo manso e sempre disposto a pagar todas as crises de quem nos desgoverna e humilha a cada passo ?

Eu já antevejo que sim, que vamos ter mais do mesmo e que os nossos políticos, tal como o povo de "má memória", após as eleições e mais uns impostos à parte, vão deixar tudo na mesma, até que a próxima crise surja !
E entretanto o subdesenvolvimento e a pobreza vão continuar a ser terreno fértil nesta nação de "brandos costumes".

Francisco Goncalves
08 May 2011
Francis.Goncalves@gmail.com

Enviar um comentário

Translate